Duas pessoas estão desaparecidas após embarcação afundar em lagoa

Agentes seguem realizando buscas em lagoa de Mostardas. - FOTO: CBM

O Corpo de Bombeiros Militar (CBM) foi acionado na tarde de quarta-feira (4), após uma embarcação afundar na Lagoa da Reserva na localidade de São Simão, em Mostardas. Segundo informações, quatro homens, que trabalham em uma madeireira, teriam se reunido para pescar na lagoa, quando o acidente aconteceu. Dos quatro, um é natural da região e os outros três são de Caldeirão Grande, no interior da Bahia.

Conforme os Bombeiros, um dos tripulantes conseguiu nadar até a margem e pedir socorro. Ele foi encaminhado para atendimento médico e o estado de saúde dele não foi informado. Outras pessoas que estavam no barco caíram na água e não foram mais vistas. Com auxílio de equipamento de navegação, os trabalhos de busca começaram. Na manhã de quinta (5), os Bombeiros encontraram o corpo de um dos homens desaparecidos: Givaldo Aparecido Miranda dos Santos.

Além disso, também foi localizado o barco afundado. Os outros dois homens seguem desaparecidos. Vale ressaltar que os nomes das outras vítimas e das idades delas não foram divulgadas. Conforme o comandante do Pelotão do CBM de Cidreira, o tenente Cristian Pujol, o local onde aconteceu o acidente é de difícil acesso. As ações estão sendo realizadas pelos agentes do Pelotão de Cidreira, com apoio da Marinha do Brasil, por meio da Capitania dos Portos de Tramandaí, e da Companhia Especial de Busca e Salvamento (CEBS) de Porto Alegre. A Polícia Civil (PC) também está acompanhando o caso e já iniciou as investigações para identificar a causa do acidente.