Grupo responsável por tele-entrega de drogas é alvo de Operação da Polícia

A Polícia Civil (PC) deflagrou na manhã de terça-feira (17), a Operação Art Ink. O alvo da ação é uma quadrilha responsável por realizar tele-entrega de entorpecentes em cidades da região Metropolitana e do Litoral Norte gaúcho. Ao todo, foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão, sendo quatro em Sapucaia do Sul e um na Praia de Mariluz, em Imbé.

Dois indivíduos foram presos em flagrante, ambos em Sapucaia. Já no Litoral, foram realizadas buscas em uma casa, a qual, segundo a Polícia, era alugada pelos criminosos e utilizada para armazenamento dos ilícitos. Conforme o delegado Guilherme Dill, responsável pelas investigações, um dos suspeitos teria saído recentemente do lugar e esvaziado o imóvel, não sendo nada encontrado.

Nas outras ações foram apreendidos: uma pistola calibre nove milímetros, 11 munições, dois carregadores, 10,7 quilos de cocaína, 321 gramas de maconha, sete balanças de precisão, cadernos com anotações do tráfico, duas prensas, dois drones, entre outros objetos, e uma quantia em dinheiro no valor de 22 mil reais. Também foram apreendidos três automóveis, incluindo uma BW (avaliada em R$ 313 mil) e um T-Cross (avaliado em R$ 150 mil), além de uma motocicleta CB 1.000, avaliada em 78 mil reais.