Alceu Moreira destina R$ 500 mil para APAEs do Estado

Convênios com as instituições foram firmados na segunda-feira (20), durante cerimônia realizada em Porto Alegre. - FOTO: Jackson Cíceri

Aproximadamente 145 Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAEs) do Rio Grande do Sul serão beneficiadas com R$ 18,9 milhões. Os recursos são destinados de indicações realizadas pela Bancada gaúcha no Congresso Nacional, à qual é composta por 19 deputados e um senador.

Representante do Litoral Norte em Brasília (DF), o deputado federal Alceu Moreira (MDB) foi responsável pela destinação de 500 mil reais. O montante contemplará nove unidades da APAE, sendo sete da região: Mostardas, Osório, Santo Antônio da Patrulha, Tavares, Terra de Areia, Torres e Tramandaí. As APAEs do Litoral receberão o valor de R$ 50 mil, cada uma. Além delas, serão contempladas as APAEs de Erval Grande e Portão, sendo que a primeira ganhará R$ 80 mil e a outra, 70 mil reais.

De acordo com Alceu, é um dos compromissos do seu mandato indicar recursos às APAEs, todos os anos, até 2027, quando se encerrará a atual Legislatura. “Essas instituições prestam um trabalho de inclusão e dignidade a quem mais precisa, e, portanto, requerem condições para proporcionar a melhor estrutura possível. É um recurso que chega para quem precisa e que sempre é tratado com muito compromisso e amor”, declarou o deputado.

Na segunda-feira (20), ocorreu em Porto Alegre a assinatura do termo de parceria, que garantirá o repasse as instituições. O valor auxiliará na estruturação da rede de serviços do Sistema Único de Assistência Social (Suas), sendo utilizado para a contratação de profissionais, melhoria da infraestrutura e ampliação da oferta de serviços.

Realizada no auditório da Pontífica Universidade Católica do RS (PUC-RS), a cerimônia contou com a presença do vice-governador Gabriel Souza; da líder da Bancada Federal Gaúcha, a deputa Any Ortiz (Cidadania); do deputado estadual Luciano Silveira (MDB); do secretário de Assistência Social do Estado, Beto Fantinel; e da presidente da Federação das Apaes do Rio Grande do Sul, Aracy Maria Ledo, entre outras autoridades.

Já a APAE Osório foi representada pelo vice-presidente da instituição, Roberto Dellamora Pata, e pela diretora administrativa e coordenadora do TEAcolhe Osório, Elaine Cardoso (Katu). Segundo ela, o recurso será de grande importância para a instituição, que atende cerca de 220 alunos com deficiência intelectual e múltipla no município.

Alceu, Katu e o vice-presidente da APAE Osório Roberto Pata.